terça-feira, fevereiro 08, 2005

O Carnaval e os carrinhos do J*mbo...

O Carnaval, esse dia do ano, que nem todos gostam ou acham graça, mas que tem muitos fãs, muitas vezes apelidados de "foliões". Nesta época, é costume dizer "É Carnaval, ninguém leva a mal" o que, mais uma vez, nem sempre é verdade.
Há alguns fatos que são “sagrados” ou seja, tem que haver pelo menos um num raio de 10 metros a vossa volta, ou não se pode considerar que seja Carnaval: Palhaço, Zorro, Azeiteiro, Jackass, Cowboy... entre muitos outros.
Um bom fato de Carnaval, só fica completo com vários adereços, destes os mais usados são: as perucas, óculos, capacetes, carrinhos do J*mbo, narizes postiços, cintos, máscaras... entre muitos outros.
Para o Staff do Mau P'rá Phoda o espírito carnavalesco é facilmente resumido numa palavra. E essa palavra é: Carrinho do J*mbo (humm...1... errr.... 2.... aghhhh.... 3, pois exactamente, 1 palavra). O Carrinho do J*mbo é ideal para personificar o espirito do Carnaval, nós nao conseguimos arranjar um exemplo que se adapte melhor a essa necessidade latente que há de definir "espirito carnavalesco". O próprio Phodorico não passa um Carnaval sem o dito Carrinho do J*mbo.
Estes carrinhos têm a particularidade de ter 4 rodas, uma pega atrás para empurrar e tem bastante espaço de arrumo para levar um passageiro, isto para não falar na sua capacidade inata de embalar numa descida (desde que o piso nao seja mto acidentado...nesse caso é mais provavel que o carrinho vire, o que tb é engraçado). Um carrinho do J*mbo abre as portas a um novo universo de partidas de carnaval, tentem por um amigo vosso la dentro e empurra-lo contra postes, bermas de passeios, contra outras pessoas, acreditem em nós, é giro!!
Nós escolhemos os carrinhos do J*mbo pois achamos que se adaptavam melhor às nossas necessidades... mas provavelmente resulta igualmente bem com carrinhos de outros estabelecimentos comerciais como o C*ntinente, o M*delo, P*ngo Doce, E. L*clerc... vão experimentando os vários modelos, vão obter vários resultados, de certeza que vai haver algum que vos agrade e que se adapte as vossas necessidades.
Usem a vossa imaginação e vão ver que o Carnaval não tem limites, por exemplo experimenter com 2 carrinhos e fazer corridas.

Nota: Neste texto aparece escrita a expressão “carrinho do J*mbo” 8 vezes a contar com o título e com a nota se não me engano.
Carrinho do J*mbo!
Oops... já são 9... Carrinho do J*mbo...10!!

Runcolho


P.S.- O Staff do Mau P’rá Phoda aconselha o uso de capacete.

P.S.2- Palavra do dia/noite de ontem/hoje -> [CONAS] Passem o rato por cima para descobrir (contem linguagem possivelmente ofensiva...)!!

2 comentários:

Anónimo disse...

Eu só vos digo 1 letra: C*nas

cidadão revoltado

the griever disse...

E eu a pensar que o "Carrinho do J*mbo" só tinha sido escolhido porque não estava preso com cadeado...
Para a próxima, tentem não o perder...
É triste ver semi-adultos a passear fantasiados "a la" Jackass sem carrinho...
Não me digam que perderam também o skate???