quinta-feira, maio 12, 2005

Gelatina de Nada

Gelatina: do Lat. gelatu, gelado; s. f.; substância albuminóide que se extrai da pele e dos ossos dos animais, e que, dissolvida em água quente, toma consistência e aspecto de geleia.
Toda a gente já comeu gelatina pelo menos uma vez na vida. A gelatina faz parte de um conjunto de sobremesas muito conhecidas da população portuguesa. Dessas fazem parte a mousse (seja ela feita de Tul*creme ou não), a baba de cam*lo (sim, quando digo cam*lo quero dizer cam*lo e não cam*lo) ou mesmo o toucinho do céu.
E de certeza que, a quem come gelatina com mais frequência, já aconteceu de provar umas que sejam... digamos, menos boas. Uma sabem mal, outras são muito líquidas e outras são até servidas quentes.
Acontece que certos membros do Staff do Mau Pr'á Phoda tiveram a infeliz ideia de irem almoçar á F*p (e quando digo F*p quero dizer F*p e não F*p). O almoço foi razoável (também não se pode pedir muito numa faculdade, perdão, numa escolinha daquelas) até chegar a altura do dia preferida das criancinhas: A Hora da Sobremesa.
À primeira colherada um dos membros do Staff proferiu uma frase que ficará perpétuamente gravada na memória de todos os que a ouviram: "Esta m*rda não sabe a nada. F*da-se!"
Ao que se respondeu: "Ó #%$&* isso tem k saber a alguma coisa. Ou sabe mal ou sabe bem."
A isto seguiu-se uma sessão de provas à dita gelatina até que se chegou a uma conclusão: a gelatina sabia efectivamente a nada!!! (inserir música dramática aleatória)
Seguiu-se uma acesa discussão sobre a origem do sabor a nada pois a gelatina tinha de facto uma cor incerta. Ficou no entanto decidido entre os membros do Staff que a gelatina não era gelatina. Seria sim, um composto gelatinoso com sabor aos corantes que ocupam a a maior parte da sua constituição. Os corantes (sim, esses soltos com nome como E -3*3) é que sabem a nada.
Ficou no entanto suspensa a discussão pois o sabor a nada evanesceu-se das nossas papilas gustativas. Ficamos á espera da opinião de alguém que, corajoso(a), sinta vontade de provar esta especialidade. Mas lembrem-se: só na F*p (e quando digo F*p quero dizer F*p e não F*p).

1000101 (um milhão cento e um)

3 comentários:

Runcolho disse...

Queria antes de mais congratular o 1000101 (um milhão cento e um) pelo seu baptismo neste nobre blog que é o Mau P'rá Phoda!!
Esta foi a sua estreia e devo desde já dizer q começou com bastante nível!
Sê benvindo 1000101 (um milhao cento e um) ao Staff do Mau P'rá Phoda!! agr és o "benjamim" do Staff! ^^

Quanto à gelatina... pouco mais tenho a acrescentar, mas aconselho vivamente esta especialidade culinária da cantina da F*p (e qdo digo F*p quero dizer F*p e não F*p).

Anfilófio disse...

Em grande!! Só mm 1 post destes pa começar. E é assim que o mau p'ra phoda vai pa frente.. Assim s ve a força do mau mau.

pisto4Leiro disse...

o phoderico para kem ñ sabe anda num 127! :0
4L é a concorrência! ela agr tá voltado para o modelo subsequente ao 127, o uno! ele pensa k ker dizer: Um Novo Outomóvel, é mt à frente! ao menos bebe menos k os 15L aos 100km/h... ñ seus pilotos, 15L ñ é um modelo novo (dp do 4L) é mm a Q. d substância gelatinosa k bebe!! HaBeMuS PhOdAs